Páginas

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Jambalaya


Ingredientes:
200gr de peito de frango em cubos
2 lingüiça calabresa picada em rodelas
500gr de camarões médios sem casca
2 xícara (chá) de arroz
4 xícaras (chá) de água fervente
½ xícara (chá) de vinho branco
1 pimentão vermelho picado
1 pimentão verde picado
2 cebolas picadas
4 dentes de alhos picados
4 tomates picados
2 pimentas dedo de moça picadas
2 cubos de caldo de camarão
1 aipo picado
4 colheres (sopa) de azeite
½ xícara (chá) de salsinha picada
1 colher(café) de curry
Tomilho à gosto 

Modo de preparo:
Tempere o camarão e o frango previamente e deixe tomar gosto por 2 horas.
Aqueça 2 colheres de sopa de azeite e frite os cubos de frango. Quando estiverem levemente corados, acrescente a lingüiça e frite bem. Adicione então a cebola e 2 dentes de alho. Refogue. Acrescente o arroz, o curry, mexa bem e vá colocando o pimentão, tomates, aipo, pimenta e deixe refogar bem. Adicione o vinho e mexa até evaporar. Jogue a água fervente, com o caldo de camarão dissolvido e deixe cozinhar, mexendo de vez em quando.
À parte, numa frigideira, aqueça o restante do azeite e do alho. Frite bem e adicione os camarões. Deixe-os fritarem por 6 minutos, apague e reserve.
Quando o arroz estiver seco, misture os camarões, a salsinha, o tomilho, mexa bem e sirva.

Rendimento- 8 porções

O que é JAMBALAYA?
Jambalaya é uma espécie de paelha típica de Nova Orleans, talvez exemplo da contribuição que a cultura espanhola acrescentou à cultura negra de Louisiana.
A cozinha cajun-creole tem a marca da história da região pela presença de diferentes povos e culturas. Seus pratos mais representativos são o gumbo (ensopado com quiabo e camarões)e ojambalaya, que pode ser feito na versão creole (com tomate), ou red jambalaya, e no estilo cajun (sem tomate), ou brown jambalaya.
Em 1682, os creole, exploradores franceses, instalaram-se em New Orleans. No século XVIII, os espanhóis assumiram o controle da região e dos acadians - habitantes de origem francesa, vindos daNova Escócia -que eram chamados de cajuns pelos índios. Vieram, então, os italianos da Sicília, negros e mulatos refugiados do então Haiti e alemães.
A cozinha cajun é conceituada como "robusta", utiliza molhos mais escuros e gordura animal. A creole, é uma culinária mais refinada, à base de cremes, manteiga e tomate. As duas possuem características de cozimento longo e utilizam os temperos: cebola, salsão, pimentão, cebolinha e salsinha.

Harmonização: Vale a pena experimentar um cabernet bem frutado e jovem com a culinária árabe, indiana, tailandesa e cajum/crioula (Jambalaya). Nessa linha, sugiro o Cabernet Sauvignon da Salentein.

6 comentários:

Anônimo disse...

Achei mto interessante e completo as receitas que eu li no blog. A questão de informar a origem das comidas é mto rico e é um conhecimento a mais em nossa vida.
Parabéns e continuarei ssempre a acessar vocês.
Vou escolher em meu caderninho antigo de receitas uma comidinha bem gostosa e fácil de fazer, porque essa é a minha prática.

Janita disse...

Obrigada pelas generosas palavras em sua postagem. Receber postagens assim como esta sua é muito motivador e gratificante, tem sabor de alegria! ;)
Volte sempre!
Beijinhos.

Anônimo disse...

Adorei ter conhecido seu blog, principalmente, pela referencia histórica, que, além de enriquecer culturalmente, acentua o sabor da receita por conhecermos sua origem. Parabés e obrigada pela contribuição. Elizabeth

Janita disse...

Cara Elisabeth, agradeço imensamente pelas doces e amáveis palavras e por sua visita.
Fico muito feliz que tenha curtido o blog, pois é tudo feito com muito carinho e dedicação. :)
Volte sempre, será sempre muito bem-vinda! ;)
Beijinhos.

camila disse...

NOSSA , SUPER INTERESSANTE , COMPLETO , FIQUEI ADMIRADA COM TANTA RIQUEZA DE DETALHES , DETALHES ESSES QUE NEM SERIAM TÃO NECESSÁRIOS PELAS MARAVILHOSAS RECEITAS , JÁ EMPRESTADAS COM TANTO CARINHO . PARABÉNS PELA GENEROSIDADE , ISSO É MUITO RARO

Janita/Jana Gommersbach disse...

Nossa, Camila, obrigada!!! Me senti lisonjeada com seu generoso e querido comentário! Fico muito feliz que vc tenha gostado e comentado. Volte sempre!!! É uma honra tê-la por aqui. ;)
Beijinhos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...